31 de agosto de 2013

Resenha Minha Mãe é uma Peça



Ficha Técnica
Título: Minha Mãe é uma Peça
Direção: André Pellenz
Elenco: Paulo Gustavo, Ingrid Guimarães, Herson Capri
Ano: 2013
Gênero: Comédia





Quando Dona Hermínia (Paulo Gustavo) resolve sair de casa sem avisar após ouvir os filhos falarem mal dela, os mesmos passam a ter que se virar sozinhos.
Minha mãe é uma peça mostra com perfeição a realidade da maioria das famílias brasileiras. Durante as cenas e, que Dona Hermínia conta à tia vários dos acontecimentos passados da família, pude fazer paralelos com minha própria família, com o jeito de ser de Dona Nadir, minha amada mãe.
Paulo Gustavo torna essa comédia hilariante perfeita, encarna a mãe super protetora com maestria e juntamente com o os demais atores do elenco faz com que nos emocionemos com as enas que correspondem perfeitamente à realidade.
Essa deliciosa comédia brasileira não fica atrás de nenhuma estrangeira, é até melhor do que muitas comédias bobas que estraram nos últimos anos.
Por fim, tem dois assuntos que gostaria de comentar. Embora o filme aborde temas polêmicos omo obesidade e homossexualidade, eles são tratados da forma mais real possível, além de muito humor, é claro. A película nos passa a sensação de que perdemos muito do nosso tempo ao nos precoupar om coisas que são triviais se compararmos com o que realmente é importante: o amor e união incondicional de uma família, seja ela composta por parentes consanguíneos ou não.

26 de agosto de 2013

Toalhinha para Bia

Essa toalhinha saiu das minhas mãos direto para a espevitada e tagarela Bia, filha de uma das moças com as quais trabalho naquela loucura de Finanças hehehehe...
Estava receosa se ela gostaria, mas acabei de receber uma ligação da pequena me agradecendo e dizendo que adorou o simples presente. O agradecimento de uma criança fez minha noite mais feliz e menos estressante por estar sem PC, rsrsrs. Não me adepto muito bem no meu querido notebook!




Estou feliz comigo mesma: meus bordados cada vez melhores e cada vez consigo terminá-los mais rápidos.


Não vejo a hora do bordado relativo ao Desafio ser emoldurado para que eu possa postá-lo!

24 de agosto de 2013

Resenha Zona Verde



Ficha Técnica
Título: Zona Verde
Direção: Paul Greengrass
Elenco: Matt Damon, Amy Ryan, Greg Kinnear, Jason Isaacs
Ano: 2010
Gênero: Drama




Perfeito. É a primeira palavra que me vem a mente para descrever esse filme. Há tempos estava com vontade de vê-lo e somente me arrependo de ter demorado tanto.
Estrelado por Matt Damon, um dos meu atores preferidos, o filme apresenta a história do subtenente Roy Miller (Damon) que é o responsável por uma equipe especializada em localizar armas de destruição em massa em um Iraque recém invadido pelo governo estadunidense. Após várias operações frustadas, Roy passa a tentar desmascarar as ações errôneas dos manda-chuvas da CIA e do Pentágono.
O filme além de ser uma crítica às ações militares dos Estados Unidos, nos apresenta a oportunidade de repensarmos sobre até onde podemos e devemos interferir nos sistemas de outras nações, além de nos fazer pensar o quanto somos manipulados para que pessoas poderosas atinjam seus objetivos, muitas vezes obscuros, fazendo parecer legítima a forma como agem.
A frase dita pelo personagem Fred resume muito bem o sentimento de muitos com relação aqueles que se julgam seus salvadores: "Não cabe a você o que acontece aqui".
Um filme que ilustra bem as minhas preferências de cinéfila: muita ação, trama com fundo político e homens bonitos e carismáticos atuando...

18 de agosto de 2013

O que ando aprontando #5

Mais uma toalhinha de ponto cruz, essa vai pra Bia, filha de uma das meninas que trabalham junto comigo. Demorei por me decidir qual personagem bordaria, espero que ela goste...




17 de agosto de 2013

Pano de Prato para Laine



Mais um pano de prato no currículo. Mas esse tem outro endereço... Hoje o entreguei nas mãos da minha amiga de infância Laine, que vai se casar em maio de 2014 mas já está se mudando pra casa nova. Depois do singelo presente colocamos a mão na massa, ou melhor nas vassouras e rodos pra lavar a casa de uma das minhas irmãs postiças. 

16 de agosto de 2013

Dia dos Pais

O resultado final da lembrancinha do Dia dos Pais. A finalização foi por conta da minha diretora Sandra, as lembrancinhas ficaram perfeitas!



14 de agosto de 2013

O que ando aprontando #4



Nas minhas andanças pela internet eis que encontro o blog Tecidos Floridos. Conhecendo o blog, um post chamado "1º Desafio Misterioso de Ponto Cruz...Inscrições até 31 de agosto" me chamou atenção. Depois de me inscrever em um Desafio Literário que confesso, provavelmente não conseguirei cumprir... hehe... resolvi encarar este novo desafio.


O desafio pareceu-me bem simples e estou super animada... São 25 quadrinhos que podem ser aplicados em almofadas, bolsas, colchas, mug rugs, toalhinhas, panos... Podem ser usadas de uma até três cores no máximo!
1 - Se quiser participar coloque seu nome e e-mail no post e siga o blog: http://tecidosfloridos.blogspot.com.br/2013/05/1-desafio-misterioso-de-ponto-cruz_19.html;
2 - A Nina mandará o esquema;
3 - Mande uma foto do seu bordado pronto, com seu nome;
4 - Será colocado em uma Galeria com seu nome;
5 - Você receberá o próximo esquema quando concluir o anterior e mandar a foto;
                                            6 - O esquema ou gráfico não deverá ser reproduzido livremente.

13 de agosto de 2013

12 de agosto de 2013

Resenha A Hospedeira


Ficha Técnica
Título: A Hospedeira
Direção: Andrew Niccol
Elenco: Saoirse Ronan, Max Irons, Jake Abel
Ano: 2013
Gênero: Ficção





Baseado no livro homônimo da autora da Saga Crepúsculo, A hospedeira mostra a Terra sob a invasão de alienígenas denominados como "almas". Nesse contexto, Melanie Stryder é um dos poucos humanos que resistem a invasão de corpos pelos seres alienígenas. A "alma" chamada Peregrina passa a viver literalmente com outra pessoa em sua cabeça, ela e Melanie passam a coexistir no mesmo corpo.
Faz algum tempo que eu havia lido a sinopse do livro e me interessado pelo argumento da história criada por Stephenie Meyer, embora não goste nem um pouco da história dos vampiros da mesma autora. Porém, quando me deparei com o filme disponível para assistir online, pensei: "- Porquê não? Não vou gastar dinheiro mesmo e preciso dar uma chance a tia Meyer..."
Minha decepção não poderia ser maior. Embora a premissa do livro/filme seja ótima, ela não foi devidamente explorada, pelo menos no roteiro do filme (não sei dizer quanto ao livro). Ao invés de nos apresentar questões mais profundas para serem analisadas, o roteiro foca no romance sem sal da (s) protagonista (s) com seu (s) namorados (s).
Mais uma vez vou entrar em conflito com os fãs apaixonados da autora de Crepúsculo, que na minha opinião, novamente assassinou uma ótima ideia. Tanto a história dos vampiros, quanto a dos alienígenas poderiam ser melhor construídas, principalmente as partes de vampiros que brilham e humanos que simplesmente deixam nossos invasores livres para dominarem outros mundos, fazendo-nos confirmar nosso extremo egoismo!

11 de agosto de 2013

O que ando aprontando #3

O gráfico deste bordado que, novidade, peguei na internet, estava em outras cores, mas como recentemente adquiri uma quantidade razoável de meadas pretas e brancas resolvi fazer nessas duas cores mesmo hehehehe... Além de que preto e branco são cores que não tem como errar!


8 de agosto de 2013

O que ando aprontando #2



Está aí a lembrancinha do Dia dos Pais! Depois que a minha diretora Sandra decidiu o que iria ser feito, resolvi ajudá-la a ajudar a CIPA da nossa Unidade... Já tem mais uma parte pronta, que fiz ontem. A noite anterior foi para assistir ao jogo do meu Timão (que não me convenceu, mas...) e colar as camisas em miniaturas no E.V.A preto. As lembrancinhas vão ser entregues amanhã e no sábado durante um almoço especial promovido pela CIPA.

3 de agosto de 2013

O que chegou para minha pessoa #14


Depois da frustração de não ter conseguido ler o último livro que chegou para a minha pessoa através de mais um Livro Viajante do Skoob, me contentei em receber em casa uma das poucas compras que venho realizando ultimamente... Duas caixinhas de linhas para ponto cruz nas cores branco e preto. Afinal, depois de tanto pedir pra minha querida mãezinha ficar comprando essa cores (que acabo utilizando bastante) de meada em meda, resolvi meter a mão no bolso (leia-se cartão de crédito) e fazer um estoque dessas duas linhas primordiais para a maioria dos motivos em ponto cruz.

1 de agosto de 2013

O que ando aprontando #1

Há tempos que eu queria fazer um quadrinho de ponto cruz pra mim e quando olhei esse motivo, foi amor a primeira vista. Reservei ele no meu desktop, terminei a toalhinha que estava bordando e engatei neste novo projeto.
Minha intenção é eu mesma fazer a moldura e depois utilizar o quadro para decorar a parede da minha casa nova ao lado dos meus bebês livros, é claro.